Pessoal, hoje vamos abordar sobre um assunto um pouco delicado.
Neste tempo de experiência no atendimento a pessoas com diversos problemas capilares, pude perceber como a perda de cabelo causa tanta comoção nas pessoas.


Sabe-se que o estresse e desequilíbrio emocional podem levar à uma inflamação no organismo, favorecendo a queda dos fios. Porém, em minhas observações, o fator emocional, não é o principal causador de queda, mas sim, um fator contribuidor, quando a pessoa já possui uma pré-disposição.


O cabelo tem uma simbologia muito importante, pois pode influenciar em como nos definimos, em nossa autoimagem, autoestima e na forma como as pessoas nos veem, uma vez que representam força, poder e autoconfiança.
Portanto, quando estamos diante de alguém nesta situação, é muito importante cooperar para o bem-estar dela.

Como?

Tendo muita cautela ao abordar o assunto, devido ao momento de fragilidade emocional, acolhendo, escutando e incentivando a procura por um profissional psicoterapeuta que possa ajudar esta pessoa a conviver com sua pré-disposição e assim, ter uma vida sociável e feliz.


Isto não significa que quem tem propensão para queda capilar, está fadado a ficar a calvo, ou que o caso não tenha solução.
Por isto, também, é muito importante a procura por profissionais que possam tratar esta perda capilar, como Tricologistas, Tricoterapeutas, Dermatologistas, Nutricionistas, Endocrinologistas ou outras terapias alternativas.


Um grande abraço a todos!

Geni Mendes